segunda-feira, 15 de junho de 2009

O muro entre nós

É estranho ver que os sentimentos mudam
Ver barreiras surgindo entre a gente
E saber que nada posso fazer
Ver você cada vez mais distante
E me sentir de mãos atadas
Por que afinal, não sei o motivo
Você se cala ou finge está tudo bem
Quando na verdade não está
Eu sei que não está...
Seu corpo está aqui do meu lado
Sua mente não
Em seus pensamentos sei que não estou
Seus beijos que antes me aqueciam
Tornaram-se frios e amargos
Chega, não quero mais isso
É melhor dá um fim a tudo isso
Por mais que doa, será de uma vez
O tempo irá curar as feridas
Mas não faz assim...
Fingindo que não existe um muro entre a gente
Você está me matando aos poucos
É covarde, é perverso
Não faz assim...
Não transforme o que sinto em ódio
Acabe com isso de uma vez
E deixe em mim apenas as lembranças dos momentos vividos!

8 comentários:

Fenrir disse...

as vezes achamos que problemas são resolvidos tão facilmente
como colocar açucar no chá pra tirar o gosto amargo

a gente precisa dar um passo pra frente sem saber se o terreno vai suportar o nosso peso
as vezes o passo para progredir pode ser tambem o começo de uma longa caminhada

eu estou na mesma linha do texto, tava apaixonado pela minha ex, tava correndo pra tenta reconquista ela, mas enfim, ja era tarde ...

agora peguei outra estrada
vou progredir
vou crescer
vou evoluir

e se tiver alguma barreira na minha frente, vai ser a minha familia e minhas amizades, que naqueles momentos dificeis eles irão me fazer sombra ou até mesmo deixar que eu me escore e desabafe



como sempre a cah (um apelido carinhoso que ela gostou) consegue puxar várias ideias da minha cabeça
eu venho e me perco, pensando em mil coisas, e esse é exatamente eu, uma pessoa que quanto mais conclusões tirar, mais caminhos eu poderei escolher.

^^

bjinn
=*

tenha uma ótima semana
e que mesmo tortos, que seu sonhos sejam doces

^^

Minha vida em capítulos disse...

Oiee Carol..

Apesarc de triste o poema o lindo!

Bjão e linda semana pra ti ^^

T disse...

e essas lembranças nos machucam tanto.

And my dreams. disse...

É muito dificil conviver com lembranças :~
as vezes, eu tb prefiro os animais :(
pelo menos eles não nos causam tantas decepções.
beijo lindona.
continue escrevendo x)

tico litlle disse...

decida ser vc..e vera o muro cair!

D.Ramírez disse...

Meio triste, mas uma realidade para muitos. Engraçado como relações acabam...Om ais legal de tudo isso é um novo recomeço e de novo e de novo..
Besos

Sonia Schmorantz disse...

Quantos muros que existem, e ninguém tem coragem de derrubá-los...sempre um esperando pelo outro.
beijos, bom final de semana

Aninha disse...

Mto lindo...
Vc escreveu mto bem!!!
Foi tudo tão verdade!!!

É difícil viver só com lembranças mais é melhor ter elas do que não ter nada!

bjinhos*~